Mussolini nas moedas

O Estado Italiano — seja o Reino da Itália ou a entidade que surgiu após o armistício de 8 de setembro de 1943, a República Social Italiana — nunca emitiu moedas com o busto do ditador fascista Benito Mussolini.

ital-20l28

Mas, eventualmente, aparecem moedas de 20 liras mostrando o rosto rotundo de Mussolini, datadas de 1943. O que seriam essas moedas então?

Ao que parece, seriam emissões privadas, mas que possivelmente eram algum tipo de ensaio para uma futura emissão por parte da República Social Italiana (RSI). Como a RSI foi um estado efêmero (1943-1945) e o fascismo saiu de moda com a morte de Mussolini, essas peças foram relegadas ao esquecimento. Em tempo: a republiqueta fascista nunca emitiu moeda metálica.

Segundo o CoinSite.com, a peça de 20 liras é parte de uma série com denominações de 20 e 100 liras, cunhadas em ouro, prata e latão revestido de prata. Os reversos utilizados são das moedas de 20 e 100 liras emitidas em 1928 e que comemoravam os dez anos do surgimento do movimento fascista; são assinados por Giuseppe Romagnoli, medalhista e escultor italiano, diretor da Escola de Medalhas do Instituto Poligráfico e Casa da Moeda entre 1909 e 1954. São de sua autoria inúmeras moedas de lira e até as do Protetorado da Somália (1950-1960).

Como são semioficiais — supõe-se que sejam um tipo de ensaio —, não há indicações sobre quantidades cunhadas, ligas usadas ou onde tenham sido cunhadas exatamente. São peças de grande valor histórico, mas, como suscitam muitas dúvidas ao colecionador, são deixadas de fora da numismática “oficial”, não constando dos catálogos.

Há de se tomar cuidado com as peças de prata. Como é difícil saber quantas foram emitidas, falsários chineses estão se dedicando a falsificar peças de prata. Uma relação de falsas chinesas ou pseudomoedas pode ser vista aqui.